Como escolher seu Filhote

0
19

Ter um cão em casa é uma decisão que resultará em uma ação duradoura e, portanto, você deve refletir bastante antes de tomá-la. Em média, um cão vive mais de dez anos. Consequentemente, você deve escolher um cão cujas necessidades se adaptem bem ao seu próprio estilo de vida, mas também deverá aprender a conviver com ele.

Que raça escolher?

O Pastor Alemão parece ser obediente, o Labrador afetuoso com crianças, o Greyhound independente… No entanto, nenhum cão pode ser classificado tão categoricamente. Aliás, uma raça deve ser escolhida de acordo com o papel que você quer que seu cão tenha no que diz respeito a seu peso e tamanho. Na verdade, escolher um  Yorkshire Terrier para ser cão de guarda de uma propriedade parece tão inadequado quanto prender um Mastim Alemão ou um Grande Pirineu o dia inteiro em um apartamento. Como regra geral, um cão de pequeno porte, embora mais agitado, exige  menos espaço vital que um cão de tamanho médio; quanto ao cão de raça grande, este sempre exige uma área maior para viver. Qualquer que seja a raça escolhida, sempre se deve ter em mente que o cão precisa receber atenção de seu dono várias vezes ao dia. Você deve, portanto, buscar informações nos clubes de raça e de criadores para fortalecer sua escolha. As exposições de cão também são ideais para descobrir sobre a diversidade das raças caninas e conversar com criadores profissionais.

Macho ou fêmea?

A fêmea é geralmente menor do que o macho, e isso pode ser um critério para a escolha. A principal inconveniência é o período de cio, que ocorre duas vezes por ano, na primavera e no outono, pois sempre acaba atraindo os machos.

Onde conseguir um cão?

É melhor comprar seu cachorrinho de um criador especializado na raça. A ninhada tem indivíduos que ele conhece bem, que foram selecionados por ele e sobre os quais ele pode fornecer informações. Assim, você terá a garantia de que seu filhote vai apresentar os critérios morfológicos impostos pelo padrão da raça. O mesmo serve para as características importantes de seu temperamento. Também se recomenda uma visita aos canis, uma vez que, assim, você poderá conhecer a mãe dos cachorrinhos, saber as condições em que vive a ninhada, além de ter a oportunidade de conversar com o criador. Um bom profissional com certeza vai querer se assegurar de que a escolha por um cachorrinho da raça que ele cria seja compatível ao estilo de vida do comprador. Você pode conseguir uma lista dos canis de criação nas associações cinófilas, veterinários e clubes de raças.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA